EXPERIMENTOS GRÁFICO-VISUAIS POR MEIO DE FUNÇÕES E QR CODES: Uma interaçao entre alunos de um curso de administração

  • Fernando Rocha Pinto PUC Minas

Resumo

Este artigo descreve um trabalho que advém de uma experiência de caráter interdisciplinar desenvolvida em um ambiente informatizado, com a participação de alunos iniciantes (1º período) e do ciclo profissional (7º período) do curso superior de Administração da Faculdade SENAC Minas. O objetivo central foi discutir sob uma perspectiva interdisciplinar, o conceito matemático de Função e sua utilização na criação de desenhos digitais, bem como a codificação dos trabalhos por meio dos conhecidos QR Codes (Quick Response Codes, ou ainda, Códigos de Resposta Rápida). Esses códigos são amplamente utilizados nas empresas e já se fazem bastante presentes no Gerenciamento da Cadeia de Suprimentos, na área da Produção. A metodologia utilizada, que se baseou no Construcionismo de Pappert, previa cinco etapas: 1ª) três aulas no Laboratório de Informática, sendo uma aula para cada turma de alunos e uma aula com a participação de ambas as turmas de alunos, em sentido colaborativo; 2ª) criação de desenhos digitais a partir de funções matemáticas usando o software Graphmatica; 3ª) hospedagem dos desenhos no site https://photos.google.com; 4ª) criação de QR Codes por meio dos links dos desenhos no site https://br.qr-code-generator.com e; 5ª) exposição dos QR Codes no ambiente da faculdade. No momento da aula em conjunto, ocorreu uma troca de informações bastante proveitosa entre as duas turmas, o que fez com que os alunos do ciclo profissional se tornassem instrutores dos alunos iniciantes, informando sobre a utilização dos QR Codes na área de Produção em uma empresa. Assim, a partir de um aplicativo disponível para celulares, capaz de ler as imagens quadradas dos QR Codes, cada aluno pôde visitar os endereços eletrônicos que hospedavam os desenhos digitais de todos os participantes desse experimento. Todos os códigos foram impressos em papel fotográfico e expostos nos corredores da faculdade, ficando disponíveis para visitação por parte da comunidade acadêmica, o que gerou muita curiosidade das pessoas sobre os significados daqueles desenhos. Dessa maneira, as interseções entre a Matemática, a Arte e a área da Administração foram discutidas e analisadas pelos discentes, e isso lhes auxiliou no entendimento de que uma empresa pode ser analisada por meio de uma construção matemática de significados de conteúdos que estão presentes em disciplinas do curso superior de Administração, sob um ponto de vista interdisciplinar.

Palavras-chave: Educação Matemática. Visualização. Desenhos Digitais. Gerenciamento da Cadeia de Suprimentos. QR Codes.

Biografia do Autor

Fernando Rocha Pinto, PUC Minas

Professor de Matemática e Estatística na Faculdade SENAC Minas. Mestre em Educação Tecnológica
pelo CEFET/MG - e-mail: frp2005frp@yahoo.com.br

Referências

BALDONI, Maria Welleda; CILIBERTO, Ciro; CATTANEO, Giulia M. Pia-centini. Aritmetica, crittografia e codici. Roma: Springer, 2006.

BORBA, Marcelo de Carvalho; PENTEADO, Miriam Godoy. Informática e educação matemática. 3. ed. 2. reimp. Belo Horizonte: Autêntica, 2007.

BRABAZON, Tara; GANDY, Michel; WINTER, Brian. Digital Wine: how QR Codes facilitate new markets for small wine industries. New York: Springer, 2014.

BUTTNER, Sebastan; AHMET, Zeynep; CRAMER, Henriette. QR Code awareness in Stockholm, Sweden. SICS Mobile, 2011. 4p. Disponível em: <http://soda.swedish-ict.se/5122/1/T2011_12.pdf>. Acesso em: 10 jun. 2017.

CHIAVENATO, Idalberto. Introdução à teoria geral da administração. 9. ed. São Paulo: Manole Ltda., 2014.

COLEMAN, Jason. QR Codes: what are they and why should you care? Kansas Library Association College and University Libraries Section Proceedings, v.1, n.1, p. 14-23, 2011. Disponível em: <http://newprairiepress.org/culsproceedings/vol1/iss1/3/>. Acesso em: 10 jun. 2017.

GARCÍA, José Carlos Andrés; OKAZAKI, Shintaro. El uso de los códigos QR en España. Distribución y Consumo, n. 123, p. 46-62, jun. 2012.

OLGIN, Clarissa de Assis; GROENWALD, Cláudia Lisete Oiveira. Cripto-grafia: um tema de interesse para o currículo de Matemática no ensino fundamental. In: GROENVALD, Cláudia Lisete Oiveira; SILVA, Márcio An-tônio da. (Orgs.), Educação Matemática: contribuições para séries finais do ensino fundamental e médio. Canoas: Ed. ULBRA, 2013. p. 21-50.

PINTO, Fernando Rocha. O ensino do conceito matemático de função por meio de softwares gráfico-visuais: criação de desenhos digitais por alunos iniciantes do curso de Administração. 2009. 153 f. Dissertação (Mestrado em Educação Tecnológica) – Centro Federal de Educação Tec-nológica de Minas Gerais, Belo Horizonte, 2009.

___________. Experimentos artísticos em matemática: a construção do conceito matemático de função por meio de QR-Codes. CONGRESSO IN-TERNACIONAL DE ENSINO DA MATEMÁTICA, 7, 2017, Canoas. Anais... Canoas: Universidade Luterana do Brasil, 2017. 12p. Disponível em: <http://www.conferencias.ulbra.br/index.php/ciem/vii/paper/view/7806/3943>. Acesso em: 10 dez. 2018.

___________. Matemática e Arte: utilização de fotografias e de Matemática e Arte: utilização de fotografias e de desenhos digitais no ensino da Ma-temática. Revista Educação e Oportunidade, SENAC MG, n. 2, 2012.

The Ace Group. QR Codes for Global Media. THE ACE GROUP market-ing and printing solutions, 2010.

Publicado
30-08-2019
Seção
Artigos