Festa e Turismo Religioso: a procissão em louvor ao Nosso Senhor dos Passos na cidade de São Cristóvão (Sergipe - Brasil) (Feast and Religious Tourism) - DOI: 10.5752/P.2175-5841.2011v9n20p96

Main Article Content

Ivan Rêgo Aragão
Janete Ruiz de Macedo

Resumo

 

As festas realizadas pela Igreja Católica foram os primeiros eventos sociais no período do Brasil colônia, agregando pessoas de classes sociais distintas, mesclando as diferentes culturas e etnias. Estas foram motivo de congraçamento, mas também de pelejas e controle social realizado pela Igreja e Estado Português. Atualmente no Brasil, as festas católicas deslocam uma grande quantidade de pessoas no período dos seus acontecimentos. Além de atrativos turísticos, as celebrações religiosas no país são também patrimônio imaterial e estão inseridas dentro da cultura "do festejar" dos brasileiros. Esse presente artigo tem por finalidade abordar aspectos da Procissão ao Nosso Senhor dos Passos na cidade sergipana de São Cristóvão. A metodologia utilizada foi a pesquisa bibliográfica, com discussão no campo teórico sobre Barroco, Festa Devocional, Tradição, Religiosidade, Procissão, Turismo Religioso, Cultura e Identidade. Também foi realizada a pesquisa de campo, com observação direta.  Com esse estudo, ficou perceptível que, como território distante de Portugal, as festas religiosas do Brasil tomaram uma dinâmica própria, absorvendo elementos profanos e se resignificando através do apelo popular.

Palavras-chave: Turismo Religioso; Catolicismo; Festa; Nosso Senhor dos Passos.

 

Abstract

The feasties held by the Catholic Church were the first social events during the period of colonial Brazil, bringing people from different social classes, merging the different cultures and ethnicities. These were the subject of harmony, but also of struggles and social control held by the Church and the Portuguese State. Currently in Brazil, the Catholic party moving a lot of people in the period of their events. Apart from tourist attractions, religious celebrations in the country are also intangible heritage and culture are embedded within "the feast" of Brazilians. This present article seeks to address aspects of the Procession of "Nosso Senhor dos Passos" the city of São Cristóvão state of Sergipe. The methodology used was literature, with discussion in the theoretical field of Baroque, Devotional Feast, Tradition, Religion, Procession, Religious Tourism, Culture and Identity. We also carried out field research, with direct observation.With this study, it was noticeable that, as distant territory of Portugal, the religious feasties in Brazil have taken a very dynamic, absorbing the profane elements and reframing through popular appeal.

Key words: Religious Tourism; Catholicism; Feast; Nosso Senhor dos Passos.

Article Details

Como Citar
ARAGÃO, I. R.; DE MACEDO, J. R. Festa e Turismo Religioso: a procissão em louvor ao Nosso Senhor dos Passos na cidade de São Cristóvão (Sergipe - Brasil) (Feast and Religious Tourism) - DOI: 10.5752/P.2175-5841.2011v9n20p96. HORIZONTE - Revista de Estudos de Teologia e Ciências da Religião, v. 9, n. 20, p. 96-113, 12 maio 2011.
Seção
Artigos/Articles: Dossiê/Dossier
Biografia do Autor

Ivan Rêgo Aragão, Universidade Estadual de Santa Cruz - UESC

Mestrando em Cultura e Turismo pelo Programa de Pós Graduação Stricto Sensu da Universidade Estadual de Santa Cruz - UESC, Ilhéus/BA, com bolsa da CAPES. Nessa mesma instituição, é membro do Grupo de Estudos sobre história, memória e representações culturais: suportes para o turismo cultural, com linha de pesquisa em história, espaços urbanos e identidade. Possui bacharelado em Turismo pela Estácio/Faculdade de Sergipe - FaSe, com ênfase em cultura, patrimônio, identidade, turismo cultural, religioso e planejamento do turismo. É técnico em conservação de bens culturais móveis pela Fundação de Arte de Ouro Preto - FAOP.

Janete Ruiz de Macedo, Universidade Estadual de Santa Cruz - UESC

Possui graduação em Licenciatura Em História pela Universidade Federal de Pernambuco (1975) , graduação em Pedagogia pela Universidade Estadual de Santa Cruz (1981) , especialização em História Moderna e Contemporânea pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (1984) e doutorado em História da Antiguidade Clássica pela Universidad de Leon (2000) . Atualmente é Professora Plena da Universidade Estadual de Santa Cruz e Membro de corpo editorial da Crítica & Debate.