“Valentes de batina”: a coragem e o uso da violência por clérigos em Goiás

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Eliézer Cardoso de Oliveira
Eduardo Gusmão de Quadros

Resumo

Este artigo analisa clérigos que se identificaram com a ética da valentia. A valentia é um campo valorativo baseado na demonstração pública de coragem e na perícia no manejo da violência. Nesse sentido, observou-se que, entre os clérigos católicos, um contingente minoritário, mas heuristicamente representativo, realizou ações típicas de pessoas valentes, como a coragem de matar outro ser humano ou de empregar a violência para resolver conflitos cotidianos. O texto está dividido em três partes: a primeira, denominada de “Igreja católica e violência”, analisa, a partir da sociologia weberiana, as relações tensas entre religião e violência. Na segunda, “a valentia e os clérigos” procura-se conceituar valentia e demonstrar a sua aplicabilidade aos membros do clero a partir de exemplos histórico. Por fim, o tópico denominado “padres valentes em Goiás” estuda os casos de padres, no contexto da história goiana, antes de 1930, que se aproximaram da ética da valentia, assumindo uma personalidade que destoa do comportamento socialmente esperado para esta categoria.

Downloads

Não há dados estatísticos.

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

Como Citar
OLIVEIRA, E. C. DE; QUADROS, E. G. DE. “Valentes de batina”: a coragem e o uso da violência por clérigos em Goiás. HORIZONTE - Revista de Estudos de Teologia e Ciências da Religião, v. 13, n. 40, p. 2168-2193, 25 dez. 2015.
Seção
Artigos/Articles: Temática Livre/Free subject
Biografia do Autor

Eliézer Cardoso de Oliveira, Universidade Estadual de Goiás

Graduação e mestre em História, doutor em Sociologia. Professor do curso de História e do Mestrado em Territórios e Expressões Culturais no Cerrado da Universidade Estadual de Goiás. Atualmente está cursando o estágio pós-doutoral no Doutorado em Ciências da Religião, da PUC-GO, sob a supervisão do Prof. Dr. Eduardo Gusmão de Quadros

Eduardo Gusmão de Quadros, Pontifícia Universidade Católica

Possui a graduação em Historia pela Universidade Católica do Salvador (1992), o bacharelado em Teologia pelo Instituto Teológico da Bahia (1996) Mestrado em Ciências da Religião pela Universidade Metodista de São Paulo (1998) e Doutorado em História pela Universidade de Brasília (2005). É professor efetivo da Pontifícia Universidade Católica de Goiás e da Universidade Estadual de Goiás. Coordenou o curso de graduação em História da PUC-GO em 2009-10 e coordedanador do Mestrado em História (2010-13). Membro do Conselho Editorial da Revista Caminhos (Ciências da Religião) e da Revista Mosaico (PUC Goiás).